2. O Plano Integrado de Comunicação


CRIE CAMPANHAS EFICIENTES

Existem três as características das campanha. Cada uma com um objetivo distinto:

  1. Construção de marca - Construir uma marca que vende é o principal desafio de qualquer empresa. Marketing de conteúdo - content marketing - é a estratégia adequada para esse tipo de campanha. O conteúdo relevante gera credibilidade que se associa à marca como um de seus atributos
  2. Geração de demanda - Campanhas de marketing devem ser integradas às metas de vendas. O objetivo é dinamizar o funil de vendas gerando prospects e transformando-os em leads qualificados. A automação do plano de comunicação - marketing automation - é a tática adequada porque cria jornadas contínuas disparando CTA - Call to Action específicos contendo diferentes ofertas para testar a eficiência maximizando a conversão em vendas CRO - Conversion Rate Optimization
  3. Desenvolvimento de canais de vendas - Desenvolver e gerenciar canais de vendas é um desafio para profissionais experientes. No entanto, garante que seu produto esteja presente em diferentes pontos de vendas, que podem oferecer valor agregado

 

Relacione seus pontos fortes e fracos.

A ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO de sua empresa deve ser definida pelo PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO e não pela agência

A ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO de sua empresa deve ser definida pelo PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO e não pela agência

A campanha de marketing e comunicação, além de reforçar o posicionamento da empresa, também deverá comunicar de forma eficiente e compreensível sua Proposta de Valor - Unique Value Proposition.

 

São duas as formas de comunicar:

  1. Comparar os pontos fortes de seus produtos e serviços versus seu concorrente. Os silver bullets devem distanciar seus produtos de seus concorrentes
  2. Destacar os pontos de maior impacto positivo na tomada de decisão de compra

 

O ato de relacionar as fraquezas e ameaças serve para gerar parâmetros que defendem as campanhas. Nunca se atreva a atravessar os limites do alcance da sua marca correndo o risco de entrar num campo perigoso, ou seja, fazer uma promessa que não conseguirá cumprir. 

A reflexão sobre fraquezas e ameaças também ajuda a aferir de forma preventiva a eficiência da campanha evitando investimentos sem chance de sucesso. Sempre  que uma fraqueza da empresa é diretamente associada à uma ameaça de mercado, a única estratégia a ser perseguida é de sobrevivência.

 

DEFINA SEU PÚBLICO ALVO

Antes de iniciar esta etapa, certifique-se  que a empresa já tem seu posicionamento bem definido. Certifique-se principalmente que as mensagem elaboradas para cada tipo de público alvo está de acordo com suas caraterísticas conforme sua influência na decisão de compra.

As mensagens deverão ter sido testadas, ou seja, sua aderência foi formalmente ratificada. Não siga em frente caso não tenha superado essas etapas que são essenciais, portanto, obrigatórias.

O público alvo está dividido em duas categorias:

TOMADOR DE DECISÃO:  É quem efetivamente toma a decisão de compra de um produto ou contratação de um serviço embasado principalmente nas credenciais da empresa que está ofertando. A Marca faz uma enorme diferença nesse momento de decisão já que o decisor não quer nenhum tipo de problema ou frustração que o coloque em risco.

O decisor sempre se apoia:

  1. Na avaliação técnica detalhada elaborada pelo influenciador
  2. Nas referências de clientes que já utilizam o produto ou serviço

 

INFLUENCIADOR: é quem analisa tecnicamente todos os detalhes e especificações comparando e tabulando com suas necessidades e pré-requisitos. Costuma visitar profissionais de empresas que já utilizam para conduzir sua pesquisa - assessment - antes de apresentar sua avaliação seguida de recomendação para o “tomador da decisão.

 

IDENTIFIQUE OS FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO

Uma das principais negligências dos gestores responsáveis por marketing e vendas é a falta de compreensão dos fatores críticos de sucesso pela perspectiva do cliente.

Na prática, isso significa identificar e monitorar continuamente seus critérios, suas expectativas e suas “dores” quando pensam na compra ou contratação.

Uma vez identificados e mapeados, na sequência, priorize considerando duas perspectivas:

  1. O impacto direto que o FCS tem no crescimento da empresa
  2. O impacto que o FCS tem na satisfação do cliente

 

Os FCS também identificam:

  1. A distância entre o que sua Marca está oferecendo para seus clientes comparativamente às suas expectativas e “dores”
  2. Concorrentes, que melhor atendem as expectativas e “dores” do cliente
  3. A lista - short list - de concorrentes que estão melhor posicionados na cabeça do cliente. Certamente serão os consultados para uma próxima compra
  4. Compreender os fatores críticos de sucesso é essencial para a manutenção da satisfação do clientes que constrói ou destrói a reputação da sua Marca. Portanto cada FCS deverá ser um indicador único - KPI Key Performance Indicator -  monitorado de forma sistêmica
  5. Alterações no comportamento contribuindo para a empresa refinar seu posicionamento ao longo do tempo
  6. Direcionam o desenvolvimento de novos produtos e serviços - roadmap
 

BAIXE GRATUITAMENTE OS TEMPLATES DA BRANDME PARA MONTAR SEU PLANO DE NEGÓCIOS . CLIQUE AQUI PARA DOWNLOAD

BAIXE GRATUITAMENTE OS TEMPLATES DA BRANDME PARA MONTAR SEU PLANO DE NEGÓCIOS . CLIQUE AQUI PARA DOWNLOAD


temas relacionados a [ marketing ] que você pode ter interesse

ESTRATÉGIAS DE MARKETING

O desafio é selecionar os pontos fortes que melhor se relacionam com a oportunidade que a empresa deseja explorar e empreender.

Marketing Digital - Estratégia de Engajamento

O crescimento do marketing digital é um efeito gerado pela necessidade das Marcas em interagir de forma personalizada com clientes.

CRM e Automação de Marketing

O objetivo é organizar e sequenciar os processos, transformando-os em uma “máquina” eficiente de criação e execução de campanhas integradas. 


---------------------------------------------------> Your SEO optimized title page contents